agencia de marketing digital juiz de fora
Blog Growth Idea

Como criar um bom e-mail marketing para cada etapa do processo de Inbound

O que você vai ver nesse conteúdo

Dentro das principais ações realizadas no Marketing Digital, o envio do chamado e-mail marketing é um meio pelo qual é feito contato direto com o público. Ele entrega conteúdo para os leads, atrai novos clientes e auxilia na conversão de vendas.

No entanto, é preciso saber como utilizá-lo. Se enviado na hora e para o público certos, essa ferramenta se torna extremamente eficiente e assertiva. Quer saber como usá-la no processo Inbound? Então, confira o nosso blog de hoje!

Segmentação do público

Nesse momento, será decidido para quem o e-mail será enviado. Essa etapa é muito importante, pois a partir dela o conteúdo é desenvolvido a fim de atrair aquele público em específico.

Isso porque, enviar o mesmo e-mail para toda a base de clientes não faz tanto sentido. Muitos podem não estar interessados nos produtos ou serviços que a empresa tem a oferecer.

Por exemplo, se a sua loja está tendo uma promoção de roupas, ao invés de criar um e-mail padrão para a base inteira de leads, mostrando as ofertas da marca, seria mais interessante segmentar esse público.

Neste caso, fazer ofertas de roupas masculinas para homens e roupas femininas para mulheres, já aumenta as chances de gerar mais leads. Assim, tenha um crescimento em suas chances de vendas, enviando e-mails para um público selecionado.

Gatilhos mentais devem ser explorados

Os artifícios que o cérebro utiliza para tomar decisões rapidamente no nível do inconsciente, é o que se chama de gatilhos mentais. Eles podem e devem ser explorados pelo marketing, a fim de  impulsionar decisões a favor de seus objetivos.

Dessa forma, utilize esse recurso em seu e-mail. As ideias de urgência, exclusividade, escassez, novidade e etc, são excelentes exemplos de gatilhos que podem gerar uma ação de consumo. 

Quer um exemplo? Pense na noção de urgência. Ela pode ser usada em expressões do tipo: “é agora ou nunca!”, “os 10 primeiros clientes receberão 50% de desconto”. Isso é capaz de gerar em seu lead uma ação rápida de compra.

Dias e horários ideais para envio do e-mail marketing

As seguintes dicas podem fazer a diferença na hora do envio:

  • evitar mandar e-mail na segunda-feira;
  • evitar disparar e-mail pós-feriado;
  • evitar enviar e-mail na sexta-feira;
  • das 17h até as 19h é um ótimo horário para enviar e-mails de propostas com modelo B2B, ou seja, um modelo de negócio voltado para vendas de terceiros. Neste caso, o alvo não é o consumidor final.
  • entre 19h e 22h é um excelente horário para realizar os envios voltados para propostas com modelo B2C, ou seja, as ações de vendas tem como alvo conduzir as ações do consumidor até a finalização da venda.

Para descobrir o que realmente traz resultados com o seu público, é importante contar com o serviço de gestão de tráfego. Uma das ações úteis que se pode realizar é o gerenciamento dos visitantes que seus canais de relacionamento (como as redes sociais) estão recebendo.

Além disso, a análise dessas informações é algo que permite saber em quais dias e horários  a taxa de abertura de seu e-mail é maior. 

Elabore um bom assunto e primeiro parágrafo do e-mail

Seu cliente já começa a ser atraído ou não, dependendo do assunto  do seu e-mail marketing. Se ele for bem trabalhado, as chances de sua mensagem ser lida aumentam bastante. Nessa hora é preciso criatividade e capricho.

Já no corpo do e-mail, o primeiro parágrafo é o que pode determinar se a pessoa vai ler o conteúdo até o fim, ou  parar por ali mesmo. Portanto, essa tarefa precisa de dedicação. Uma dica é tentar criar algo diferente do que foi usado anteriormente.

É importante lembrar que o objetivo nesse momento deve ser ganhar a atenção do leitor já no iníciol. Algo que pode ajudar na elaboração do texto é se imaginar recebendo essa mensagem. Faça a seguinte pergunta: “eu continuaria a leitura?”

Não se esqueça dos CTA’s

Fazer com o que os leads tomem a decisão que você deseja pode ser uma tarefa  difícil. Nessa hora, lembre-se da importância dos CTA’s (call to action) .

Essas chamadas para a ação podem ser botões interativos, GIF’s, pedidos (“compartilhe essa mensagem”, “visite nosso site”, e etc.), uma imagem clicável, dentre outros. O importante é ter uma chamada que leve seu cliente a fazer algo assim que terminar de ler o e-mail.

Aqui, também é recomendável fugir do óbvio. Por exemplo, se você tem uma loja de sapatos, não utilize apenas “compre este sapato”. Inove e ganhe mais destaque usando frases como “quer encontrar o sapato dos seus sonhos?”, ou então “acesse nosso catálogo virtual para  ganhar esse presente ”. O presente, no caso, seria um desconto de 5%. 

A ideia é sempre a mesma: a chamada para a ação precisa fazer sentido para o seu público. Ou seja, ela tem que despertar a vontade de agir da maneira como o CTA está pedindo.

Descarte a ideia de que base comprada funciona

Infelizmente, ainda existe uma ideia rolando por aí de que comprar uma base de e-mails é uma estratégia que dá super certo. Isso é lenda! 

É muito mais valioso e rentável para sua empresa ter uma base com 1.000 e-mails de pessoas engajadas do que 10.000 e-mails comprados de pessoas que não têm interesse no que a sua marca oferece.

Trabalhe com uma ideia central

Seu e-mail marketing será desenvolvido a partir da escolha de uma ideia central de captação de leads. Essa escolha é crucial para despertar o interesse em seus clientes e fazer com que ele tenha vontade de ler o conteúdo inteiro.

Por exemplo, se você trabalha com uma marca de suplementos, criar um e-mail abrangente que fale sobre a prática de exercícios e alimentação saudável, pode acabar deixando pouco espaço para introduzir o tema principal que é a suplementação. 

Sendo assim, considere que o e-mail marketing deve ser direto e cativante. Uma boa estratégia é a criação de um fluxo de e-mails para falar sobre o produto sob diferentes perspectivas.

Algo que ajuda muito nessa hora é conhecer a jornada de compra do cliente, saber em qual ponto dela ele se encontra. Quem trabalha com Inbound Marketing consegue fazer esse acompanhamento.

Aliás, se você quer  saber tudo sobre essa forma inovadora de atrair clientes, gerando maiores e melhores resultados, dê uma olhadinha no nosso artigo “Tudo o que você precisa saber sobre Inbound Marketing”.

Não perca nenhuma das nossas atualizações! Continue acompanhando o blog da Growth Idea, a sua agência de marketing digital!

Compartilhe esse conteúdo!

WhatsApp
LinkedIn
Email

Comentários

Conteúdos relacionados